Biografia

 

Ricardo Coelho, nascido em 1979, em Vila Nova de Gaia. Iniciou aulas privadas de piano clássico com 11 anos de idade e aos 19 começa com a sua auto-aprendizagem em Gaita-de-foles, tendo sido acompanhado mais tarde pela professora galega, Maria Xosé López Villar.
Participou como gaiteiro e flautista nos grupos “Arrefole” de 2000 a 2005, “Bailebúrdia” 2005 a 2009, “Lúmen” de 2005 a 2007, “Trovas de Amigo” de 2008 a 2009 , Míscaros” 2008 a 2012 e “Pé na Terra de 2005 a 2015.
Actualmente, participa nos grupos,CriaturaKarrossel”, Zingamocho”, “Eiró“ e recentemente fundou e dirige “Colectivo Foice” .
Com 7 álbuns editados entre 2006 e 2015 e inúmeras participações em discos como convidado.

Paralelamente dá aulas de Gaita-de-foles desde 2004, na região norte e centro de Portugal.
Em 2015 entra para Academia de Artes de Chaves como docente no curso de Música Tradicional a lecionar Gaita-de-foles e na Escola de Música tradicional do Larouco.
Fundou e dirige o projecto “Gaiteirus.com”, que tem como propósito o estudo e divulgação da Gaita-de-Foles em Portugal. É a primeira plataforma de e-learnig em Portugal a disponibilizar aulas deste instrumento a funcionar à 4 anos.

Entre 2014 e 2015 trabalhou no enRed’Arte – projecto de desenvolvimento comunitário através da arte na serra do Marão, Aboboreira e Meia Via. Com um trabalho plural e basilar coordenou o eixo da recolha do património imaterial, foi formador e apoiou a programação e produção do projecto. O seu interesse pelo trabalho com comunidade levou-o aprofundar os seus conhecimentos no Curso de Formadores Musicais da Casa da Música em 2015, onde efectuou 3 espetáculos sendo um deles o Sonópolis e desde então tem participado em vários projectos neste contexto. Em 2017 trabalhou no projecto Jardins do Barroco, com dois grupos de música tradicional dos concelhos de Baião e Amarante, através da empresa Onda Amarela.

Organizador e programador de diversos eventos e Festivais como é exemplo o Festival – Festa do Caldo de Quintandona, onde trabalha à 12 anos.